Fique por dentro
   

Notícias

COMUNICADO SOBRE A CAMPANHA SALARIAL 2015

07/10/2015

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Estamos no momento decisivo da Campanha Salarial deste ano. Após Assembleia Geral no dia 30 de setembro que REPROVOU as propostas Patronais, das quais apenas uma alcançava a inflação do período de 9,88%, ainda que de forma fracionada, sendo que vários Grupos Patronais sequer apresentaram proposta.

Na mesma Assembleia ficou APROVADA a DEFLAGRAÇÃO de GREVE, por prazo indeterminado, em todas as empresas metalúrgicas de nossa cidade visando fechar acordos e finalizar as negociações.

Com isso, a Marchesan, Baldan e Antoniosi apresentaram propostas que foram reprovadas e, caso não chegue a um entendimento haverá greve nesta quinta feira (08).

No entanto, na empresa Mauser em Assembleia ocorrida ontem (06), os trabalhadores APROVARAM proposta que concede reajuste de 12% para esta Data Base/2015, sendo 10% retrativo a de 1° de setembro mais 2% em fevereiro de 2016 e a Renovação das Cláusulas Sociais da Convenção Coletiva de Trabalho.

Ficou assegurado ainda a cesta básica, o subsídio em medicamentos com aumento no limite mensal e o pagamento da PLR no valor de R$3.800,00 no dia 09/10/2015.

A luta continua...

As principais Reivindicações dos Metalúrgicos de Matão, são:

I. QUANTO AS CLÁUSULAS DE NATUREZA SOCIAL:

Renovação por mais dois anos, incorporando as cláusulas novas negociadas entre a FEM/CUT e a bancada Patronal.

II.                II. QUANTO AS CLÁUSULAS DE NATUREZA ECONÔMICA:

O índice pleiteado para essa Data Base pelos trabalhadores representados por este Sindicato é de 12,5%, sem aplicação de teto ou de proporcionalidade, correspondente a inflação do período mais aumento real, a ser aplicado sobre os Salários e o Abono.

                   III. ABONO SALARIAL:

Concessão de ABONO nas empresas que não concederam em 2014 e reajuste para aquelas que já haviam concedido no ano anterior.

Companheiros, a direção do Sindicato esta pressionando as empresas para que se manifestem, formalmente e com urgência, sobre índice de reajuste salarial para esta Data Base, se concederá o abono e em que valor, para que possamos realizar as Assembleias com os trabalhadores e finalizar as negociações.

Por outro lado, é preciso que os trabalhadores em cada empresa também demonstrem seu descontentamento pela demora nas negociações, diminuindo a produção e buscando se mobilizar para, se necessário, realizar paralisações com o objetivo de fechar os acordos.

É hora de lutar juntos por reconhecimento e valorização.


•  Veja outras informações
 
SINDICATO DOS METALÚRGICOS DE MATÃO
Rua Sinharinha Frota, 798 - Centro - Cep 15990-060 - Matão / SP
Fone: (16) 3382-5944 / E-mail: atendimento@metalurgicosdematao.org.br